sexta-feira, 28 de agosto de 2020
Austin rebaixa, de ‘brB-(sf)’ para ‘brCCC(sf)’, os ratings das Cotas Subordinadas Júnior do Investbra FIDC; observação negativa
A Austin Rating informa que, no dia 24 de agosto de 2020, rebaixou, de ‘brB-(sf)’ para ‘brCCC(sf)’, o rating das Cotas Subordinadas Júnior do Investbra Fundo de Investimento em Direitos Creditórios (Investbra FIDC / Fundo). A classificação foi mantida em observação negativa. O rebaixamento das Cotas Subordinadas Júnior, decorre da confirmação de piora da qualidade da carteira do Fundo, que é focado em créditos cedidos e/ou devidos por pequenas e médias empresas, em geral mais vulneráveis ao ciclo econômico recessivo no qual a economia brasileira entrou após o início da pandemia de COVID-19 no país e das medidas de combate à sua disseminação, como o isolamento social e o fechamento do comércio, que se deram nos principais estados e municípios a partir das últimas semanas de mar/20. Ao final do período ao qual se refere o presente monitoramento de rating (2º trimestre de 2020), essa agência observou que, o cenário provocado pela COVID-19 afetou significativamente a carteira do Fundo, com forte diminuição da carteira de Direitos Creditórios, acréscimo da inadimplência e provisionamento da carteira, além da desvalorização de 20,0% das Cotas Subordinadas Júnior, nos últimos 12 meses encerrados em jun/20, e, no 2T20, de 11,1%. Ademais, o Fundo registra, desde o início de suas operações, em jan/19, até jun/20, desvalorização acumulada de 6,1% para as Cotas Subordinadas Júnior, enquanto o CDI valorizou, no mesmo período, 7,8%. As Cotas Subordinadas do Fundo não possuem benchmark de remuneração.