quarta-feira, 2 de outubro de 2019
Austin rebaixa para ‘brBBB(sf)’ o rating da Série Sênior 2010-169 da 1ª Emissão da Brazilian Securities – Risco Pulverizado
A Austin Rating informa que, no dia 27 de setembro de 2019, rebaixou o rating de crédito de longo Prazo, de ‘brA(sf)’ para ‘brBBB(sf)’, da Série 2010-169 da 1ª Emissão de Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRI/ Emissão) da Brazilian Securities (Brazilian Securities/ Emissora). A classificação foi mantida em perspectiva negativa. A Emissão baseou-se, originalmente, no valor presente dos fluxos de caixa decorrentes de 68 Contratos Imobiliários, perfazendo o montante de R$ 11,0 milhões. Desde então, foram quitados 50 Contratos e a carteira lastro se reduziu para 18 contratos, com saldo devedor atualizado de R$ 2,8 milhões. Os Contrato Imobiliário têm como objeto imóveis de diversos empreendimentos localizados no Distrito Federal e nos estados do Rio Grande do Sul, São Paulo, Paraná, Bahia, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Sergipe e Pernambuco. A classificação se refere a 33 CRIs Seniores, com valor nominal unitário de R$ 58,4 mil e montante de R$ 1,9 milhão. A Emissão ainda conta com 3 unidades de CRIs Júnior, que possuem valor unitário de R$ 1,3 milhão, cada, perfazendo um total de R$ 4,0 milhões, em set/19. Os CRIs são corrigidos mensalmente pelo IGP-M/FGV e têm prazo remanescente de 249 meses, com vencimento final programado para Jun/40. A Série Sênior faz jus a remuneração de 8,9% ao ano, sendo realizados pagamentos mensais e sucessivos de principal e juros desde set/10.