segunda-feira, 2 de setembro de 2019
Austin retira os ratings do Banco Paulista
A Austin Rating informa que, nesta data, retirou os ratings ‘brBBB’, de longo prazo, e ‘brA-2’, de curto prazo, do Banco Paulista S/A (Banco Paulista). As retiradas dos ratings foram solicitadas pela Administração do Banco Paulista, observando o que está previsto no Contrato de Prestação de Serviços para Classificação e Elaboração de Relatórios de Rating de Bancos. Em decorrência dessa decisão unilateral do Banco Paulista, a Austin Rating fica desobrigada a realizar o serviço de classificação de risco daquela instituição financeira. A cobertura analítica está, portanto, encerrada. A Austin Rating destaca que as classificações do Banco Paulista estavam em observação negativa desde o dia 31 de maio de 2019, ocasião em que o rating de longo prazo havia sido rebaixado, de ‘brA-’ para ‘brBBB’, em razão, principalmente, do aumento de seus riscos de reputação e de imagem, em face de ação da Polícia Federal envolvendo um operador da área de câmbio da instituição e dois de seus diretores, assim como dos potenciais efeitos negativos em seu desempenho econômico-financeiro futuro e na continuidade das funções de alguns membros da atual Diretoria e do Conselho de Administração do Banco, em decorrência do Processo Administrativo do Banco Central do Brasil, relacionado ao não cumprimento de medidas de prevenção e combate de operações atípicas, no período de 2009 a 2015. Até a presente data, não houve a divulgação sobre a conclusão do referido Processo Administrativo e o Banco Paulista tampouco publicou suas demonstrações financeiras auditadas relativas ao exercício encerrado em 31 de dezembro de 2018. Esses fatos impossibilitaram o desfecho do processo de revisão iniciado com a colocação da observação negativa por essa agência, não havendo, portanto, ação de rating associada às retiradas solicitadas pelo Banco Paulista e ora realizadas.