quinta-feira, 1 de agosto de 2019
Austin eleva os ratings dos CRIs Seniores e Subordinados, enumerados de forma alternada entre a 90ª e a 105ª Séries da 1ª Emissão de CRIs da Fortesec, com risco SPE Olímpia
A Austin Rating informa que,no dia 30 de julho de 2019, elevou, de ‘brBBB+(sf)’ para ‘brA+(sf)’, o rating das 90ª, 92ª, 94ª, 96ª, 98ª, 100ª, 102ª e 104ª Séries (CRIs Seniores) da 1ª Emissão de Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRIs) da Forte Securitizadora S/A (Fortesec/ Emissora). Na mesma ocasião, elevou, de ‘brBB+(sf)’ para ‘brBBB(sf)’, o rating das 91ª, 93ª, 95ª, 97ª, 99ª, 101ª, 103ª e 105ª Séries (CRIs Subordinados). Ambas as classificações possuem perspectiva estável. A elevação dos ratings foi motivada pela conclusão de obras e emissão do habite-se relativo ao Olímpia Park Resort (Olímpia Park/Empreendimento), empreendimento do qual provem os Contratos Imobiliários que lastreiam os CRIs. Ao todo o Empreendimento conta com 912 apartamentos mobiliados e equipados, distribuídos entre quatro edifícios de 17 andares. Conta ainda com shopping center integrado, o Villa Mall Olímpia Park e área de lazer. As torres C e D foram entregues em jul/19 e devem entrar em operação a partir de set/19 e nov/19, prazo para a implantação hoteleira. As outras torres (A e B) já estavam em operação. O nome comercial dado ao empreendimento é Enjoy Olímpia Park Resort. Os fatores positivos trazidos pela emissão de habite-se são: i) constatação pelos órgãos públicos competentes de que a obras (edificações, áreas de lazer, sistemas de segurança) estão em conformidade para uso do público, extinguindo riscos de conclusão de obras (como eventual estouro de orçamento); e ii) reforço adicional à segregação de riscos entre a SPE Olímpia, seus acionistas, e a Carteira de Créditos Imobiliários cedida fiduciariamente, especialmente na medida em que se torne possível o registro em matrícula das unidades imobiliárias adquiridas (individualização das matrículas) e o registro das CCIs correspondentes em sistemas eletrônicos de custódia, bem como a atualização destas CCIs junto ao anexo do Contrato de Cessão.